Home Geriatria Por que a Pós-Graduação em Geriatria está em alta no mercado?

Por que a Pós-Graduação em Geriatria está em alta no mercado?

por IEFAP

A população idosa brasileira vem tornando-se prioridade nas políticas públicas e com isso, pelos avanços da medicina, só tende a crescer. Assim, atualmente, ela soma os 23 milhões de pessoas e pode dar um salto ainda maior.  Consequentemente, o resultado disso é a qualidade de vida destinada à terceira idade, com uma expectativa de vida cada vez maior. Dessa forma, como em outros países mais desenvolvidos, o Brasil segue o mesmo caminho. Isso tudo torna o curso de Pós-Graduação em Geriatria um dos mais procurados na atualidade.

Um novo panorama da terceira idade

Primeiramente, vimos que a longevidade populacional é crescente com o aumento da qualidade de vida. Segundo a Folha, este envelhecimento da população só tende a impulsionar a especialização médica em Geriatria.

Da mesma forma, os avanços tecnológicos na medicina geriátrica tem desempenhando um papel preponderante na qualidade de vida da população idosa. Assim, para quem deseja fazer o curso de Pós-Graduação em Geriatria, é o momento mais acertado.

Em outras palavras, o médico que se especializa pela Pós-Graduação em Geriatria pode tranquilamente ficar atento à grande demanda de mercado. Ou seja, isso por que conhece bem as necessidades dessa faixa etária que é emergente.

Ao mesmo tempo, o proveito dos médicos na área da geriatria é a de suprir também a interdisciplinaridade. Ou seja, o curso de Pós-Graduação em Geriatria garante variadas formas de atuação no mercado, como saúde física, mental e amparo às necessidades especiais. Ao passo que, a função do profissional é garantir a assistência na saúde e na educação, já que possui uma questão social de vínculo muito forte.


Sobre o curso de Pós-Graduação em Geriatria

A gerontologia é a área de conhecimento no estudo do envelhecimento. O profissional formado no curso de Pós-Graduação em Geriatria trabalha nesse processo individual no qual busca tratar e prevenir todas as chances de risco de saúde e promoção de uma vida mais saudável.

Além disso, instrumentalizará com um bom referencial teórico atualizado através de disciplinas como:

  • epidemiologia e prevenção;
  • promoção à saúde;
  • estudos sobre insuficiência cardíaca crônica e aguda;
  • prevenção e reabilitação cardiovascular;
  • cuidados paliativos;
  • oncologia geriátrica;
  • demências, entre outras;

Alta demanda da Pós-Graduação em Geriatria

E por ter bem destacada essa função social importante, a geriatria se encontra na atualidade entre as áreas médicas uma das que mais possui demanda no mercado de trabalho, segundo o site Guia da Carreira.

Hoje em dia, o curso de Pós-Graduação em Geriatria é oferecido por algumas instituições de ensino superior, no entanto, é fundamental que o estudante avalie bem o mérito que a instituição possui junto ao MEC. O IEFAP é uma das instituições de ensino que oferta esse curso, contando com excelentes professores, sendo o curso ministrado por Instituição reconhecida pelo MEC.

As áreas de atuação do profissional geriatra, que oferece tratamento completo para a capacidade funcional de idosos, podem ser encontradas em diversos locais, como:

  • hospitais;
  • ambulatórios;
  • clínicas especializadas;
  • casas de apoio e voluntariado;
  • cuidados paliativos;
  • pronto atendimento;
  • serviços de reabilitação;
  • programas de promoção em saúde de gerenciamento de pacientes crônicos

Como vimos, as atividades que fazem parte do cotidiano do profissional são bastante diversas, incluindo os programas de promoção em saúde, públicos e privados.

A Pós-Graduação em Geriatria forma profissionais de currículo complementar e integrado, que inclui conhecimento específico no desenvolvimento físico, psicológico e social do idoso. Neste sentido, é certo afirmar que a geriatria pode ser considerada como a profissão do futuro.

Remuneração

Os investimentos na área vêm crescendo e o profissional graduado terá experiência para tornar-se uma referência na área. Segundo os dados da pesquisa do Salario.com.br e pela revista Exame, a profissão de gerontologista em 2019 teve em média uma remuneração média de R$ 6.100,00, no Brasil, com uma jornada de trabalho de 26 horas semanais.

Assim, sendo a geriatria a especialidade médica que vem crescendo vertiginosamente no mercado de trabalho, na atenção dada às pessoas idosas, propicia uma maior qualidade de vida para a população.

O curso de Pós-Graduação em Geriatria ofertado pelo IEFAP oferece uma vantajosa opção de especialização com profissionais reconhecidos pelo MEC, por ser um curso Latu Senso, o qual atende todas as necessidades que o profissional precisa para lidar com o atendimento mais ágil e assertivo.

Você conhece os nossos cursos? O IEFAP é uma Instituição que oferta e operacionaliza cursos de especializações em diferentes áreas do conhecimento e aperfeiçoamento. Acesse o banner abaixo e saiba mais sobre a Pós-Graduação em Geriatria!

Artigos relacionados

Deixe um Comentário